Capitania dos Portos do Rio Grande do Sul celebra seu 172º aniversário

0
56
IMPRIMIR
A ideia da criação das Capitanias dos Portos surgiu inspirada na atuação dos Arsenais de Marinha e Administrações Navais, implantados na província do Rio Grande durante a Revolução Farroupilha. Na foto sede atual da Capitania em Rio Grande-RS

  A Capitania dos Portos do Rio Grande do Sul (CPRS) celebra, neste sábado (19), seu 172º aniversário de criação. A cerimônia militar ocorrerá na sede da CPRS, às 16h30, desta sexta-feira (18), com a presença de autoridades civis e militares.

 A CPRS é uma Capitania de primeira classe e possui as seguintes Organizações Militares subordinadas: a Delegacia Fluvial em Uruguaiana e a Agência em Tramandaí. Sua área de jurisdição abrange toda a extensão da Lagoa dos Patos, no trecho compreendido entre o alinhamento da ponta de São Simão com a divisa dos municípios de Tapes e Barra do Ribeiro, a Barra do Rio Grande e a Lagoa Mirim. Entre as cidades de sua responsabilidade estão Rio Grande, Pelotas, São José do Norte, Bagé, Chuí, Jaguarão, Santa Vitória do Palmar entre outras.

A CPRS é responsável, dentro da sua área de jurisdição, pela realização dos exames para obtenção de carteira de condução de embarcações por amadores, pela realização de diversos cursos para profissionais aquaviários, pela fiscalização das Normas da Autoridade Marítima referentes à Segurança do Tráfego Aquaviário, Salvaguarda da Vida Humana no Mar e Controle da Poluição Hídrica proveniente de embarcações.

A Capitania, localizada à Rua Almirante Cerqueira e Souza, número 198, na cidade do Rio Grande (RS), conta atualmente com um contingente de 86 militares e três servidores civis. Mais informações sobre as atividades da Capitania podem ser obtidas na página https://www.marinha.mil.br/cprs.