Portos RS atualiza governador sobre andamento da proposta de criação do Parque Nacional Marinho do Albardão

0
23
IMPRIMIR
No Palácio Piratini, o diretor de meio ambiente da Portos RS, Henrique Ilha, e o gerente de planejamento e desenvolvimento, Fernando Estima, apresentaram o atual status da proposta de criação do Parque Nacional Marinho do Albardão / Foto: Maurício Tonetto/Secom

Em uma reunião com o governador do estado, Eduardo Leite, o secretário-chefe da Casa Civil, Artur Lemos, e a secretária estadual do meio ambiente, Marjorie Kauffmann, nesta segunda-feira (1), no Palácio Piratini, o diretor de meio ambiente da Portos RS, Henrique Ilha, e o gerente de planejamento e desenvolvimento, Fernando Estima, apresentaram o atual status da proposta de criação do Parque Nacional Marinho do Albardão.

Em uma de suas diversas frentes de trabalho, a Autoridade Portuária gaúcha vem atuando fortemente na preparação do estado para o recebimento de empreendimentos eólicos offshore e na proposta de descarbonização de seus sistemas. Importante contribuição para esse processo foi a adesão à Aliança Brasileira para a Descarbonização de Portos, durante a edição 2024 da Intermodal South America.

Além da criação do Parque Nacional, o objetivo do estudo/projeto também é de analisar a repercussão das propostas de instalação de parques eólicos offshore. A região marinha e costeira do Albardão está localizada mais ao sul do Rio Grande do Sul, distante cerca de 135 quilômetros da Praia do Cassino e 70 quilômetro da Praia do Hermenegildo, em Santa Vitória do Palmar.

Fonte: Portos RS /Rodrigo de Aguiar