Expedição tentará achar os restos do barco “engolido” pelo mar na Antártica

0
60
IMPRIMIR
Engolido pelas abissais profundezas do mar congelante de Weddell, o barco desapareceu da paisagem e nunca mais foi visto – embora, desde então, a localização do seu naufrágio seja, mais ou menos, conhecida.

Em 21 de novembro de 1915, após torturantes 10 meses preso ao mar congelado da Antártica, o Endurance, famoso barco do legendário explorador irlandês Ernest Shackleton, líder de uma expedição exploratória que pretendia se tornar a primeira a atravessar o continente gelado de uma ponta a outra, não resistiu ao calvário e sucumbiu no Mar de Weddell.

O naufrágio não gerou vítimas, já que Shackleton e seus 27 homens estavam vivendo fora do barco condenado há meses. Mas gerou uma das mais épicas façanhas de sobrevivência do século passado, quando Shackleton, a bordo de um pequeno barco a remo, empreendeu uma insana travessia de mais de 1 000 quilômetros em um dos mares mais furiosos do planeta, em busca de ajuda para os seus homens, que foram salvos, meses depois – feito que é considerado o mais extraordinário da história da conquista da Antártica.

https://historiasdomar.blogosfera.uol.com.br/2021/07/10/expedicao-tentara-achar-os-restos-do-barco-engolido-pelo-mar-na-antartica/