Novo recorde na região Sul do Brasil

0
487
IMPRIMIR

024a2925ddcc7da58cc7b373cdbc7341
Atualmente, a região Sul representa o segundo maior polo da energia eólica no Brasil, atrás apenas da região Nordeste

A geração eólica na região Sul do Brasil bateu novo recorde nesta semana, com 1.262 megawatts (MW) médios. A quantidade gerada é suficiente para abastecer aproximadamente 5,6 milhões de unidades consumidoras residenciais, com base no consumo de energia residencial de 2015. Os dados são do Informativo Preliminar Diário da Operação do Operador Nacional do Sistema (ONS).

Com a expansão da geração eólica no País, a fonte vem batendo sucessivos recordes. No dia 4 de janeiro, a geração eólica alcançou 1.240 MW médios no submercado Sul, que foram superados pelo registro de segunda-feira passada.

Atualmente, a região Sul representa o segundo maior polo da energia eólica no Brasil, atrás apenas da região Nordeste. O recorde de geração eólica no submercado Nordeste ocorreu no dia 20 de abril de 2016, atingindo 3.702 MW médios.

De acordo com o Histórico da Operação do ONS, a geração de energia eólica alcançou 3.154 MW médios no mês de abril, registro 156% superior quando comparado ao mesmo período de 2015. Para os próximos anos, segundo o Plano de Decenal de Expansão de Energia – PDE 2024, a capacidade eólica instalada no País deve alcançar 24 mil MW até 2024.