Transamazônica: crime e abandono

0
99
IMPRIMIR
Brasil, Pará, Altamira, 22/08/1972, Trator faz terraplenagem durante a construção da segunda etapa da rodovia. O trecho inicia em Altamira e segue em direção ao rio Repartimento. A construtora Mendes Júnior detinha a concessão de construção deste trecho. SOLANO JOSÉ/ESTADÃO CONTEÚDO/AE/

Pobreza, desmatamento e extração ilegal de madeira e ouro margeiam rodovia na floresta.Na Amazônia, nenhuma intervenção humana provoca tantas transformações como uma rodovia. E nenhuma rodovia causa tanto impacto na maior floresta tropical do mundo como a Transamazônica.A maioria sobrevive do comércio ilegal do ouro e da madeira, cujos lucros compensam os custos de extração em remotas áreas protegidas. O saque se beneficia da repressão esporádica –em duas semanas, a reportagem testemunhou apenas uma ação fiscalizatória.

LEIA A REPORTAGEM COMPLETA