Reaproveitar contêiner gera até 40% de economia na exportação

0
72
IMPRIMIR
Casamento da operação com a importação evita que contêiner volte vazio para o porto, dobrando a eficiência logística

Contêiner que viaja vazio representa prejuízo. Após uma entrega, se o equipamento volta descarregado alguém está pagando pelo combustível do caminhão, diária do motorista, pedágios etc. É como se um taxista levasse um passageiro até um destino distante e não conseguisse nenhum cliente para a volta. Nessa hipótese, parte do lucro vai embora. No caso de contêiner, a perda é muito maior, porque envolve trajetos maiores, especialmente levando-se em conta as dimensões do Brasil.

O problema, porém, está sendo contornado pela Asia Shippingmultinacional brasileira que faz intermediação de cargas. Ao combinar operações de importadores com exportadores, a economia no frete de retorno (exportação) pode chegar a 40%, sem contar outras vantagens, já que o exportador não precisa ir buscar contêiner no porto de Santos, por exemplo. Dessa forma, com contêineres carregados em ambas as operações (importação e exportação), a operação dobra a eficiência.

https://mobilidade.estadao.com.br/mobilidade-para-que/reaproveitamento-de-conteiner-gera-ate-40-de-economia-na-exportacao/