Porto do Recife começa a receber navios com novo calado

0
30
IMPRIMIR
Capitania dos Portos libera aumento provisório de calado enquanto aguarda a homologação da dragagem pela Marinha

A Capitania dos Portos de Pernambuco enviou ao Porto do Recife duas resoluções liberando a atracação de navios de maiores calados nos berços 00, 03, 04 e 05 por 45 dias. As portarias entraram em vigor neste mês de maio e foram uma demanda dos importadores e exportadores do ancoradouro recifense.

“O Sindaçúcar foi uma das empresas que solicitou a liberação o quanto antes. O sindicato é responsável pelo Terminal Açucareiro (TA) do Porto do Recife, que corresponde ao berço 00. Antes da dragagem, o calado operacional do berço do terminal era sete metros e os navios não conseguiam abastecer toda a carga de açúcar, tendo que completar em outros portos do Nordeste”, explica José Divard de Oliveira, diretor Comercial e de Operações do ancoradouro.

Pensando em realizar toda a operação de embarque de açúcar no ancoradouro recifense, o Sindaçúcar fez a solicitação para operar com um calado maior, de 9,20 metros de profundidade para o berço do TA. Os navios de açúcar são os responsáveis por grandes movimentações no Porto do Recife. No dia 24 de abril, o navio panamenho “Toros M” embarcou mais de 30.900 toneladas do produto.

As empresas que atuam no porto movimentando fertilizantes e trigo foram as solicitantes da liberação para os berços 03, 04 e 05, que serão destinados à operações de granéis.