Triunfo quer repetir parceria com TIL após concluir venda da Portonave

0
25
IMPRIMIR
Uma baixa contábil de R$ 292,2 milhões foi a principal responsável pelo significativo aumento do prejuízo da Triunfo Investimentos e Participações no terceiro trimestre.

A Triunfo Participações e Investimentos (TPI) espera poder repetir “num futuro próximo” a parceria com a Terminal Investment Limited (TIL), disse Pedro Andrade, da equipe de relações com investidores da empresa, durante teleconferência da resultados do terceiro trimestre. Em 26 de outubro, a TPI concluiu a venda de 100% de sua fatia no terminal portuário Portonave, em Santa Catarina, para a sócia TIL.

O valor referente à parcela de fechamento da aquisição da participação foi de R$ 1,3 bilhão. O montante total da operação permanece sujeito aos ajustes futuros usuais nesse tipo de operação.

Com isso, a companhia resgatou a totalidade da 1ª série da primeira emissão de debêntures conversíveis em ações da sua controlada Vênus Participações e Investimentos. As ações da Portonave e os direitos creditórios de sua alienação estavam alienados fiduciariamente em garantia das debêntures. O total pago pelo resgate foi de R$ 762,1 milhões, com o dinheiro da Portonave.