Porto de Suape tem apreensão recorde de cocaína (808 kg) em carga de banana

0
832
IMPRIMIR
A carga ilegal foi descoberta durante fiscalização de rotina da Receita Federal. Um dos contêineres passou por um scanner de raio-x, que analisa cargas por amostragem, e a droga foi detectada.

A Receita Federal apreendeu hoje 808,2 kg de cocaína escondidos em uma carga de bananas no porto de Suape, no município de Cabo de Santo Agostinho, na região metropolitana de Recife. Esta é a maior apreensão de drogas realizada na história do porto. A cocaína apreendida foi avaliada em R$ 32 milhões. A droga estava escondida em carregamento de bananas, e os tabletes, envolvidos em pó de café. O carregamento foi distribuído em três contêineres que iam para a Bélgica, na Europa.
 
“Observamos que o material estava bem embalado em sacos plásticos e revestidos com pó de café para dificultar o trabalho de cães farejadores. Não havia droga em todas as caixas dos contêineres também para despistar”, contou o delegado da Alfândega da Receita Federal, Carlos Eduardo Oliveira, destacando que os fiscais se surpreenderam com a quantidade de cocaína apreendida.