Polêmica nos EUA e no Canadá

0
390
IMPRIMIR
Exploração de petróleo em areias betuminosas de Alberta, no Canadá (Foto: Dru Oja Jay/Dominion/CC)

Um tema que esta ganhando destaque nas tvs canadenses e jornais desde que chegamos no domingo, é o polêmico projeto do oleoduto Keystone XL, que se tornou o inimigo número 1 dos ambientalistas americanos.A petrolifera TransCanadá quer construir oleoduto que vai cruzar os Estados Unidos para levar petróleo de Albertas às refinarias do Texas.Os ambientalistas pressionam Barak Obama para que o projeto n]ao saia do papel.

Keystone XL é uma proposta da petrolífera TransCanada. A empresa quer facilitar a entrada do petróleo de Alberta, Canadá, no mercado americano. A ideia é ligar um oleoduto que já existe, chamado Keystone, com o Golfo do México, e construir uma nova rede de dutos entre o Canadá e o centro dos EUA. O projeto final ganhou o nome de Keystone XL. São mais de 3 mil quilômetros de oleodutos que devem custar cerca de US$ 7 bilhões.

A proposta interessa ao governo canadense, que pode ver seu Produto Interno Bruto (PIB) crescer ao aumentar suas exportações de petróleo aos EUA, e também ao governo americano, que passaria a comprar óleo de um aliado, diminuindo a necessidade de importar combustível de países instáveis, como o Iraque. Além disso, o projeto pode criar mais de 13 mil empregos.

Inclusive fizemos uma entrevista exclusiva com o Primeiro Ministro de New Brunscwick DAVID ALWARD que vamos publicar em breve. Abaixo o gráfico sobre a çpolêmica do oleoduto.