Estaleiro Rio Grande movimenta R$ 1 milhão em novembro

0
438
IMPRIMIR
Carregado de toras de madeira, o navio foi reparado no cais norte do ERG1. Os trabalhos foram realizados pela Ecovix com apoio de empresas locais. Fotos: Sagres

 
What do you want to do ?

New mail

A partida recente do navio de bandeira chinesa Chipol Taihu marcou um mês de intensa movimentação no Estaleiro Rio Grande, que retoma aos poucos e solidamente suas operações.  Coordenado pela empresa Ecovix, o empreendimento movimentou cerca de R$ 1 milhão com as ações de novembro, abrindo quase 200 postos de trabalho.
 
O Chipol Taihu chegou ao estaleiro no final de setembro, após enfrentar problemas operacionais enquanto fazia o trajeto entre Rio Grande e China. Carregado de toras de madeira, o navio foi reparado no cais norte do ERG1. Os trabalhos foram realizados pela Ecovix com apoio de empresas locais.
 
O conserto da embarcação chinesa não foi a única operação a movimentar o polo em novembro. No cais sul, o navio panamenho Taikoo Brilliance operou a completação de carga de toras de madeira, ação realizada em parceria com o porto público, que utiliza o estaleiro devido à sua maior profundidade. Além disso, o também panamenho Bunum Ace foi reparado, após uma colisão com um terminal catarinense em Itajaí.
 
Recuperação a passos firmes
 
De acordo com o diretor-operacional da Ecovix, Ricardo Ávila, as recentes movimentações do Estaleiro Rio Grande demonstram a vocação multidisciplinar da área e são a prova da grande mobilização para a retomada cada vez mais intensa das operações. “Tais ações concomitantes só foram possíveis graças aos esforços que o grupo ECOVIX vem fazendo durante sua recuperação judicial e à vontade política dos atuais gestores do porto público de Rio Grande, que enxergaram no ativo uma possibilidade de agregar valor”, enfatizou.
Segundo Laurence Medeiros, da Medeiros & Medeiros Administração Judicial, responsável pelo caso, essas movimentações são importantes neste momento para “demonstrar a capacidade de geração de receita através de novos negócios e, especialmente, a geração de novas vagas de emprego, contribuindo com a retomada do desenvolvimento na região”.
 
Nesta semana, outro passo importante no processo de recuperação do estaleiro foi dado. Em encontro com a autoridade portuária, foram realizadas tratativas com foco na retomada das operações. O grupo Ecovix vem se preparando para o reaquecimento do mercado de construção naval do país por meio de ações de manutenção dos ativos, estabelecimento de parcerias no setor de reparos e construção de embarcações e de limpeza do estaleiro. Nos próximos meses, mais de 100 mil toneladas de aço serão retiradas do local.
 
What do you want to do ?

New mail