BR dos Rios precisará destravar regras para tornar modal mais competitivo

0
23
IMPRIMIR

Representantes da navegação interior avaliam que o maior desafio para o desenvolvimento do modal é destravar as atuais regras para torná-lo mais competitivo. O segmento se ressente de ser um dos modais de transporte mais engessados e com muitos atores que querem comandar a navegação, o que aumentaria as dificuldades das empresas que atuam nessa atividade. A Associação Brasileira para o Desenvolvimento da Navegação Interior (Abani) afirma que já teve uma primeira conversa com os técnicos do Ministério da Infraestrutura, que elabora o programa ‘BR dos Rios’, que possui objetivos similares ao BR do Mar, e que o governo pretende enviar para o Congresso ainda em 2022.

A associação defende que a maior preocupação é não criar engessamento, e sim ‘soltar as amarras da navegação’, a fim de trazer eficiência e dinamizar esse modal. “Temos um regramento muito forte de parte da Marinha, temos um regramento muito forte de parte da Antaq [Agência Nacional de Transportes Aquaviários], um regramento muito forte por parte da Receita Federal, pela Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária], pela ANA [Agência Nacional de Águas] (…) Tudo isso precisa ser colocado sobre a mesa para que cheguemos ao Congresso com um projeto de lei já todo discutido e atento às necessidades da navegação interior”, disse o presidente da Abani, Dodó Carvalho, à Portos e Navios.

https://www.portosenavios.com.br/noticias/navegacao-e-marinha/br-dos-rios-precisara-destravar-regras-para-tornar-modal-mais-competitivo